sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

TABERNA

Arte do Intolerante, já que eu não tinha nenhuma coloquei essa pra não ficar vazio.

Olha só, uma vez que o Capim do Rock, que era o bar mais freqüentado da cidade ficou indo e vindo e acabou indo de vez, ai veio o Taberna com uma estrutura luxuosa e com três divisões onde tem Bar aberto com musica ao vivo, um espaço privativo com mesas e assentos aconchegantes e um pátio lá fora agradável onde os fumantes podem ficar a vontade. Só que já começou o problema. Os caras querem fazer tipo aqueles bares onde você dá a identidade, pega um cartão, consome e ai no final passa para pagar a conta, só que, com isso, já começou a fila na porta, por que tem apenas uma garota cadastrando que é a tal que vai ficar ouvindo os playbas ficar enchendo o saco. Segundo, a música já ta indo no mesmo ritmo de Vila de Palma e Trupe do Botequim, tipo: EU TAVA TRISTE TRISTINHO... sabe ne? Terceiro, o atendimento virou zona total e com os garçons, cheio de razão tipo: TA RECLAMANDO DO QUE? Mas demoram mil anos para atender o pedido de quem fica lá fora. Bom. Quarto, o público é de Vila de Palma quando não esta funcionando, então, a moçada que gosta de desfilar vai toda pra lá agora. Beleza! Bacana! Vai que a intenção era fazer um lance assim tipo badalado e disputado mesmo, Playboy gosta disso. Eu não curto! Mas minha opinião pouco importa mesmo!

Um comentário:

Ju disse...

Eu não aguento mais ouvir EU TAVA TRISTE TRISTINHO. Bom. Fui lá duas vezes. Acho que tá bom pro semestre.

Seguidores

Revista Palmito City

Minha foto

Revista Intolerante é um blog tocantinenses que trata de cultura e ponto de vista. Sempre abrangendo os trabalhos de artistas marginais e emitindo ponto de vista de vários aspectos sociais.