sexta-feira, 21 de novembro de 2008

DOWNLOAD - BANDA CORELL


VOLTANDO DE FÉRIAS

BANDA CORELL

Em um dia comum, como qualquer outro, pessoas andavam pela rua cumprindo suas rotinas. O céu estava claro e parecia tudo normal, até que, de uma hora para outra o céu fechou e vindo do nada um meteoro se arremessou contra os inofensivos habitantes de Palmito City.

Não, não é o trailler do filme INDEPENDENCY DAY é a volta de mais uma banda de HARDCORE ao cenário de Palmito City.

Os cientistas do rock deram-lhe o nome de CORELL. Já havia sido anunciado o seu retorno nas previsões proféticas do oráculo que fica em uma caverna do Alpes do HARDCORE.

É assim que volta de férias a banda CORREL, com o peso de um meteoro que ameaça fundir no meio a HIPOCRISIA e deixar em SOBRAS a intenção daqueles que andam SEM DIREÇÃO sem saber se promovem a PAZ OU VIOLENCIA.

Liderada pelo vocalista HUGÃO, a banda CORELL se junta ao “clube do protesto” junto com CRÍTICOS LOUCOS e MATA-BURRO, sendo que no caso da banda CRÍTICOS LOUCOS mantém semelhança no que diz respeito ideologia e andamento musical.

RELEASE DA BANDA

“A banda Corell teve seu início em 2004, com a saída dos integrantes do PRIEST - Hugo(Vocal), Thiago Play(Batera) e Jéferson (Guitarra). Logo após a formação da banda entra Dennis(Baixo), no qual completava o quadro. A banda se apresentou na capital em alguns eventos como Paranoid Zine, Tendencies Rock, 1ºRock`n Sul de Taquaralto e outros dois em Paraíso-TO. Dono de um estilo musical variado e amplificado, o Corell deixava sua marca por onde passava, com músicas próprias e cover`s da banda RODOX.

Passado o tempo, o Corell se desintegrou com a saída De Hugo(Vocal), sendo que Thiago, Jeferson e Dennis, entram em um projeto de Alan, no qual se transformaria no atual CRÍTICOS LOUCOS. Passado um ano fora da ativa, período que durou todo ano de 2005, o Corell volta em 2006 com outra formação mais pesada.

A banda se apresentou em Taquaruçu, onde agradou o público, encerrando assim o festival no Aloha e se apresentou também na seletiva para o PMW ROCK FESTIVAL, onde também agradou o público presente.

Passado o tempo a banda foi se apresentando em shows em outras cidades como Miracema (agosto de Rock) e em Paraíso num congresso Underground! Depois desses últimos shows o batera Antônio Carlos sai e Renato assume o posto, deixando o som mais brutal. Passa o ano de 2006, e a banda da uma parada por causa da saída dos integrantes Renato(Batera) e Kayo (Guitarra). Essa parada durou até Agosto de 2007, onde Hugo e Francivaldo se unem ao Guitarrista Markim e ao Batera Antônio Carlos (Que retorna)!

Após um tempo, essa nova formação se apresenta na seletiva para o Tendencies em 2007, também agradando o público.

Só que dessa vez a formação não durou muito! Chegado o ano de 2008, acontece mais uma troca na formação, onde Markim sai e entra Manzo na guitarra, vindo após ele Tiago na Bateria, deixando o som mais pesado e trabalhado.

A banda já se apresentou em eventos como o Aquecimento para o PMW em Palmas e Invasão Imperoza em Palmas também, deixando sua marca com expressão!

Apresentou-se ainda em mais eventos organizados no Tendencies, onde também agradou muito, mandando um Hardcore de respeito.

A banda recentemente gravou um demo, e já está em fase de divulgação. Luta e raça tem sido os sinônimos dessa banda que luta com as próprias pernas para romper a cada dia. Esperamos dar continuidade a esse trabalho que arduamente é desenvolvido!”.

Ouvindo as MP3 que estão para download aqui no site, percebe-se o amadurecimento da banda CORELL. Parabéns! Está muito bom mesmo.

SAIBA MAIS:









BANDA: CORELL
DEMO: INTERROGAÇÃO
MÚSICAS:

1 – Hipocrisia
2 – Interrogação
3 – Paz ou violência
4 – Sem direção
5 – Sobras

Um comentário:

Hugao disse...

Cara... Muito bm o que colocaste sobre o Corell... Valeu Rivaldão, vc sempre dando akela força especial! Grande abraço do Hugão.

Seguidores

Revista Palmito City

Minha foto

Revista Intolerante é um blog tocantinenses que trata de cultura e ponto de vista. Sempre abrangendo os trabalhos de artistas marginais e emitindo ponto de vista de vários aspectos sociais.