sábado, 15 de janeiro de 2011

E QUANDO AS ESTRELAS COMEÇAREM A CAIR?


O chão estava cheio de estrelas. A poesia obedeceu ao que Renato falou: “quando as estrelas começarem a cair, me diz me diz pra onde a gente vai fugir”.

Dias nublados, góticos na verdade me fizeram pensar em vários sentimentos despedaçados, paixões fortes, consumos exagerados, erros, acertos, percas e ganhos.

Ela me disse que eu podia segurar firme que ia ficar aqui, mas não ficou. Sumiu como se fosse um vapor.

De tão acostumado com isso a gente vai se tornando insensível. Frio. Seco. Fraco!

Diz pra mim o que eu fiz de errado? Excedi-me foi isso? Todo mundo se excede caralho, por que eu não posso?

E foi assim que ela se foi da forma mais fria e perturbadora. Mas convivo bem demais com tudo isso. Quando as estrelas começarem a cair eu já sei pra onde eu vou fugir.

Nenhum comentário:

Seguidores

Revista Palmito City

Minha foto

Revista Intolerante é um blog tocantinenses que trata de cultura e ponto de vista. Sempre abrangendo os trabalhos de artistas marginais e emitindo ponto de vista de vários aspectos sociais.