sexta-feira, 8 de maio de 2009

FOTOGRAFIA E CRÔNICA: PERTURBAÇÕES NOTURNAS

FOTOGRAFIA DO HEMERSON SILVA
Em estado normal de animo não cometeria jamais aquele crime. Perdeu-se de vez em seu devaneio sórdido e triste. É que a cabeça tem hora que não agüenta o peso do mundo. Mas matar alguém com quem se convive a muito tempo não era também uma solução tão viável e fácil de se acostumar.
A noite, sempre acordava aos surtos, e seu corpo, dava tremeliques como fisgadas de choque repentinas, contudo, ao cair o sono dormia.
Matar é pecado, dizia em sua mente, mas logo lembrava que não tinha consciência espiritual, pois, a quem lhe interessava agradar com temáticas metafísicas estava morto.

Matou! Matou em um dia em que a chuva tinha sido forte e seu sentimento bucólico o assaltou. Matou por que não suportava tamanha angustia. Matou por que matar é a forma mais conveniente de se apagar um passado. Pelo menos é o que pensava, ate que os fantasmas lhe rondavam as horas menos agradáveis do dia, como a hora do Ângelo – as seis do vespertino.

Mas agora é tarde. A fantasma não se dá corpo, no mais se exorciza ou aprende a conviver com ele. E parece que vai ser assim mesmo, desde que se matou, desde que matou a ele mesmo, têm convivido com o que era e agora não quer mais de volta, mas também não sabe ainda como se enterrar de vez.
(Intolerante)

FOTOS DO HEMERSON SILVA

3 comentários:

fernanda disse...

Por enquanto: VIXE!!!
o "Nó" ainda não me deixar falar algo além disso...

Rê disse...

Vixe²......tb travei Fernandaaaaa!!! na verdade chorei mesmo ;°
Carambaaaaaaaaaa!!!

Anônimo disse...

Parabéns mano, acho que é o único blog do Tocantins que abro e sempre esta atualizado!!!

Parabéns mesmo!

Seguidores

Revista Palmito City

Minha foto

Revista Intolerante é um blog tocantinenses que trata de cultura e ponto de vista. Sempre abrangendo os trabalhos de artistas marginais e emitindo ponto de vista de vários aspectos sociais.